diHITT - Notícias

Salmo 23

Posted by Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!

No Portal Evangélico Compartilhando Na Web, em 08/02/2007.


O Senhor é o meu pastor
Salmo de Davi

1 O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará.
2 Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas.
3 Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome.
4 Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.
5 Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.
6 Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do Senhor por longos dias.


O Salmo 23, além de apontar o Messias, ele é tipicamente um Salmo de Reconhecimento. Ele está inserido num grupo de 3 Salmos que parecem formar um grupo só (22, 23 e 24). O 22 - O Salvador que sofre; O 23 - Pastor vivo; O 24 - Soberano exaltado.
 
Acredito que a parte essencial do Salmo 23 está no versículo 1, que fala sobre quem é o Senhor e o que será de mim diante da realidade de quem é o Senhor. A sequência do salmo mostra como será a realidade da minha vida se eu aceitar a verdade de quem é o Senhor:

“O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará.”
 
Diante desse quadro, podemos fazer algumas perguntas a esse primeiro versículo e buscar respostas no próprio salmo, na sequência dele, em outros textos Bíblicos ou ainda em outras ajudas para entender alguma parte específica. Essa última parte requer a sua participação, ao menos pensando sobre o assunto. E, claro, compartilhar através de comentários ao post as suas observações e seus pensamentos.
 
Com isso, passemos para as perguntas:
 
1ª pergunta: Tem faltado alguma coisa em minha vida?
 
A resposta é sua, mas acho que vale a pena ler a sequência do texto antes de responder a essa pergunta.
 
2ª pergunta: O que o texto deixa claro sobre o cuidado do Senhor?
 
- faz repousar em pastos verdejantes: não faltará provisão e descanso.

- leva-me às águas de descanso: não faltará paz.

- refrigera minha alma: não faltará refrigério, caso desanime ou fracasse.

- guia-me pelas veredas da justiça: não faltará orientação;

- Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum: não faltará coragem na dificuldade.

- a tua vara e o teu cajado me consolam: não faltará consolo.

- Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos: não faltará proteção, preservação e honra.

- unges minha cabeça com óleo: não faltará alegria e unção.

- o meu cálice transborda: não faltará plenitude de bênção.

- bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida: não faltará graça divina nesta vida.

- habitarei na casa do Senhor por longos dias: não faltará o lar celestial quando o tempo aqui acabar.
 
Parece que nossas necessidades são, de fato, supridas. Mas vale a pena perguntar:
 
3ª pergunta: Por quem? O texto responde que pelo Senhor, que é nosso pastor.
 
4ª pergunta: O que é ser pastor? Davi, o provável autor desse salmo, era pastor e algumas situações em sua vida mostram como deve agir um pastor – 1 Samuel 17.34-36. Outros textos sobre o que é ser pastor: Gênesis 49.24; Salmo 80.1; Isaías 40.11; Ezequiel 34.23; Ezequiel 37.24; Zacarias 13.7; 1 Pedro 2.25; 1 Pedro 5.4 – ver ainda Salmo 77.20.
 
5ª pergunta: Se o Senhor é pastor, o que nós somos? Ovelhas!
 
6ª pergunta: O que é ser ovelha? Obedecer ao comando do pastor, receber alimento e cuidado...
 
Agora podemos voltar e responder a primeira pergunta: o nosso pastor, que faz tudo por nós enquanto ovelhas, nos sustenta com e em tudo. Mas, ainda falta alguma coisa?
 
Mesmo que falte aos olhos humanos, a provisão de Deus na hora certa não nos deixa sentir falta de nada! Ainda que tenhamos que passar pelo vale da sobra da morte, ainda que humanamente pareça faltar algo, o cuidado do Senhor nos dará coragem e paz para enfrentar.
 
Assim parece que o texto ficaria melhor se estivesse traduzido da seguinte forma (inclusive observando o texto original, em Hebraico):
 
O Senhor é o meu pastor; de nada sinto falta.
 
Ainda que falte, o Senhor supre a falta a tal ponto que não sentimos falta de nada.

Não faltarão problemas - mas sobrará provisão
Não faltarão dificuldades - mas sobrará cuidado
Não faltarão inquietações - mas sobrará paz

Logo, de fato, se o Senhor é o meu pastor, NADA me faltará, porque Ele vai suprir, mesmo na falta, e eu não sentirei falta de nada!

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Salmo 22

Posted by Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!

No Portal Evangélico Compartilhando Na Web, em 01/02/2007.

Sofrimento e vitória do Messias
Ao mestre de canto. Segundo a melodia
"Corça da manhã". Salmo de Davi

1 DEUS meu, Deus meu, por que me desamparaste? Por que te alongas do meu auxílio e das palavras do meu bramido?
2 Deus meu, eu clamo de dia, e tu não me ouves; de noite, e não tenho sossego.
3 Porém tu és santo, tu que habitas entre os louvores de Israel.
4 Em ti confiaram nossos pais; confiaram, e tu os livraste.
5 A ti clamaram e escaparam; em ti confiaram, e não foram confundidos.
6 Mas eu sou verme, e não homem, opróbrio dos homens e desprezado do povo.
7 Todos os que me vêem zombam de mim, estendem os lábios e meneiam a cabeça, dizendo:
8 Confiou no Senhor, que o livre; livre-o, pois nele tem prazer.
9 Mas tu és o que me tiraste do ventre; fizeste-me confiar, estando aos seios de minha mãe.
10 Sobre ti fui lançado desde a madre; tu és o meu Deus desde o ventre de minha mãe.
11 Não te alongues de mim, pois a angústia está perto, e não há quem ajude.
12 Muitos touros me cercaram; fortes touros de Basã me rodearam.
13 Abriram contra mim suas bocas, como um leão que despedaça e que ruge.
14 Como água me derramei, e todos os meus ossos se desconjuntaram; o meu coração é como cera, derreteu-se no meio das minhas entranhas.
15 A minha força se secou como um caco, e a língua se me pega ao paladar; e me puseste no pó da morte.
16 Pois me rodearam cães; o ajuntamento de malfeitores me cercou, traspassaram-me as mãos e os pés.
17 Poderia contar todos os meus ossos; eles vêem e me contemplam.
18 Repartem entre si as minhas vestes, e lançam sortes sobre a minha roupa.
19 Mas tu, Senhor, não te alongues de mim. Força minha, apressa-te em socorrer-me.
20 Livra a minha alma da espada, e a minha predileta da força do cão.
21 Salva-me da boca do leão; sim, ouviste-me, das pontas dos bois selvagens.
22 Então declararei o teu nome aos meus irmãos; louvar-te-ei no meio da congregação.
23 Vós, que temeis ao Senhor, louvai-o; todos vós, semente de Jacó, glorificai-o; e temei-o todos vós, semente de Israel.
24 Porque não desprezou nem abominou a aflição do aflito, nem escondeu dele o seu rosto; antes, quando ele clamou, o ouviu.
25 O meu louvor será de ti na grande congregação; pagarei os meus votos perante os que o temem.
26 Os mansos comerão e se fartarão; louvarão ao Senhor os que o buscam; o vosso coração viverá eternamente.
27 Todos os limites da terra se lembrarão, e se converterão ao Senhor; e todas as famílias das nações adorarão perante a tua face.
28 Porque o reino é do Senhor, e ele domina entre as nações.
29 Todos os que na terra são gordos comerão e adorarão, e todos os que descem ao pó se prostrarão perante ele; e nenhum poderá reter viva a sua alma.
30 Uma semente o servirá; será declarada ao Senhor a cada geração.
31 Chegarão e anunciarão a sua justiça ao povo que nascer, porquanto ele o fez.

O início deste salmo é uma das declarações de Jesus na cruz. No momento em que Ele levou sobre si os pecados do mundo, Ele se sentiu só. Estava na cruz, passando por dores, aflição e ainda por cima levava sobre si o pecado de todos nós, seres humanos. Foi um momento duro para o Salvador...

A sequência do salmo mostra o salmista inquieto, mas confiante. Parece que as pessoas ao redor já duvidam da ação do Senhor na vida dele, mas o salmista, mesmo diante da dificuldade, fica firme, clamando e aguardando. E mais: se prepara para louvar ao Senhor por saber que Ele vai agir, como tantas outras vezes já agiu.

Quantas vezes as pessoas ao nosso redor duvidam que o Senhor vai fazer algo. Observam nossa situação e acham que não vai dar certo! Querem até "nos ajudar", tentando nos fazer deixar de lado nossa fé. Bela ajuda...

Não podemos duvidar! Ainda que pareça difícil, o Senhor vai agir! Você acha que foi fácil para José continuar acreditando no seu sonho diante da realidade que ele estava vivendo no Egito? Será que foi fácil pra Moisés ver como o povo estava antes da ação do Senhor? Parece que foi fácil para Josué... E para tantos outros! Acredito até que para eles realmente foi fácil. Não o passar por uma dificuldade, pois isso nunca é fácil, claro! Mas foi fácil no sentido de saber, por fé, que o Senhor agiria e cumpriria Seu cuidado. Nunca é fácil enfrentar uma dificuldade. Mas para nós, por fé, deve ser menos complicado, pois sabemos antes que o Senhor vai agir, ainda que pareça demorar. Se estivermos debaixo de Sua vontade, Ele vai agir da melhor maneira e na melhor hora!!! Pode até parecer demorar, mas tenha certeza que será no melhor momento. Basta esperar e confiar, agindo só no que o Senhor ordenar! Não faça além, mesmo que pareça bom. Faça só o que o Espírito lhe revelar que deve ser feito.

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Salmo 21

Posted by Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!

No Portal Evangélico Compartilhando Na Web, em 25/01/2007.

Ações de graças pela vitória
Ao mestre de canto. Salmo de Davi

1 O REI se alegra em tua força, Senhor; e na tua salvação grandemente se regozija.
2 Cumpriste-lhe o desejo do seu coração, e não negaste as súplicas dos seus lábios. (Selá.)
3 Pois vais ao seu encontro com as bênçãos de bondade; pões na sua cabeça uma coroa de ouro fino.
4 Vida te pediu, e lha deste, mesmo longura de dias para sempre e eternamente.
5 Grande é a sua glória pela tua salvação; glória e majestade puseste sobre ele.
6 Pois o abençoaste para sempre; tu o enches de gozo com a tua face.
7 Porque o rei confia no Senhor, e pela misericórdia do Altíssimo nunca vacilará.
8 A tua mão alcançará todos os teus inimigos, a tua mão direita alcançará aqueles que te odeiam.
9 Tu os farás como um forno de fogo no tempo da tua ira; o Senhor os devorará na sua indignação, e o fogo os consumirá.
10 Seu fruto destruirás da terra, e a sua semente dentre os filhos dos homens.
11 Porque intentaram o mal contra ti; maquinaram um ardil, mas não prevalecerão.
12 Assim que tu lhes farás voltar as costas; e com tuas flechas postas nas cordas lhes apontarás ao rosto.
13 Exalta-te, Senhor, na tua força; então cantaremos e louvaremos o teu poder.

Não há ninguém maior que o Senhor. Ainda que alguém pareça ter força e poder entre nós, o Senhor é maior!

O Salmista deixa claro que até mesmo o rei precisa buscar ao Senhor. Se alguém que parece ter poder e facilidades em algumas coisas na vida (e complicações em outras, é verdade) como um rei precisa buscar ao Senhor e ter Dele uma resposta, isso mostra que todos nós devemos nos submeter ao cuidado e auxílio do Senhor. E o rei que busca ao Senhor, Dele obtém a resposta! Isso quer dizer para nós que se buscarmos, teremos resposta!!!

E não há quem se levante contra aquele que segue ao Senhor e tenha vitória. Pode até parecer durante um tempo que teve vitória, mas os dias mostrarão o quanto a pessoa agiu errado indo contra aquele que serve ao Senhor.

Exatamente porque quando estamos debaixo da vontade do Senhor é Ele quem age! Nós podemos nos colocar em ação, até vai parecer que somos nós que fizemos aos olhos das outras pessoas, mas quem está agindo é o Senhor. E quando Ele age, nós podemos aguardar e louvar o Seu nome, porque Ele fará o melhor! Creia! Não há intento que prospere contra aquele que faz as coisas de acordo com a vontade do Senhor. Ainda que as pessoas façam mal e até pensem ter conseguido realizar algo ruim, o Senhor mudará a história em bênção (como, por exemplo, foi com José - Gênesis, capítulos de 37 a 50). E a nós, só nos resta aguardar o agir do Senhor e estarmos atentos para o momento em que Ele quiser nos usar para agir através de nós. Depois, devemos anunciar os feitos do Senhor e louvar Seu nome por Sua atuação.

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Salmo 20

Posted by Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!


Oração a favor do rei
Ao mestre de canto. Salmo de Davi

1 O SENHOR te ouça no dia da angústia, o nome do Deus de Jacó te proteja.
2 Envie-te socorro desde o seu santuário, e te sustenha desde Sião.
3 Lembre-se de todas as tuas ofertas, e aceite os teus holocaustos. (Selá.)
4 Conceda-te conforme ao teu coração, e cumpra todo o teu plano.
5 Nós nos alegraremos pela tua salvação, e em nome do nosso Deus arvoraremos pendões; cumpra o Senhor todas as tuas petições.
6 Agora sei que o Senhor salva o seu ungido; ele o ouvirá desde o seu santo céu, com a força salvadora da sua mão direita.
7 Uns confiam em carros e outros em cavalos, mas nós faremos menção do nome do Senhor nosso Deus.
8 Uns encurvam-se e caem, mas nós nos levantamos e estamos de pé.
9 Salva-nos, Senhor; ouça-nos o rei quando clamarmos.
 
O salmo mostra uma bênção para outra pessoa que não propriamente o salmista. Ele declara que espera que o Senhor ouça outra pessoa!

Claro que isso pode ser visto para o nosso próximo, mas vale pra nós também! O socorro do Senhor está bem ao nosso lado. Ele cuida de nós a cada dia e em cada momento de angústia. E no tempo certo (não no nosso tempo certo, mas no tempo do Senhor), Ele age de maneira fantástica, mostrando que está no controle de todas as coisas.

Assim, quero declarar sobre tua vida exatamente o que diz as palavras desse salmo!

Que o Senhor ouça você no dia da dificuldade. Que seja o Nome do Senhor a te proteger da dificuldade.

Que Ele envie de Sua destra o socorro pra você e mantenha o sustento de alegria, a provisão financeira e alimentícia em todo tempo sobre você.

Que Ele lembre de tua vida diante da vontade Dele, do tempo que você empregou para exaltar o Seu nome e mais que isso: aceite essa oferta que você fez e faz!

Que você possa ouvir do Senhor o que Ele quer pra você e possa aceitar os desejos Dele pra sua vida e que Ele cumpra cada um desses desejos que passam por seu coração. Não os desejos do seu coração humano, que pode te levar a erros, mas do coração transformado, guiado pelo Espírito!

Estaremos todos felizes pela manifestação do cuidado do Senhor sobre você. Testemunhe! Fale desse cuidado!

Poderemos ver a salvação que o Senhor vai operar em sua vida. Sabemos que Ele age!

Mantenha sua confiança postada no Senhor. Ele usará o que for necessário para agir em teu favor e cuidar de você. Mas quem fará será o Senhor!!!

Mesmo que pessoas perto de você caiam e fiquem caídas diante dos problemas, você levantará!

Cuida de nós, Senhor!

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Salmo 19

Posted by Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!


A excelência da criação e da palavra de Deus
Ao mestre de canto. Salmo de Davi

1 OS céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos.
2 Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite mostra sabedoria a outra noite.
3 Não há linguagem nem fala onde não se ouça a sua voz.
4 A sua linha se estende por toda a terra, e as suas palavras até ao fim do mundo. Neles pôs uma tenda para o sol,
5 O qual é como um noivo que sai do seu tálamo, e se alegra como um herói, a correr o seu caminho.
6 A sua saída é desde uma extremidade dos céus, e o seu curso até à outra extremidade, e nada se esconde ao seu calor.
7 A lei do Senhor é perfeita, e refrigera a alma; o testemunho do Senhor é fiel, e dá sabedoria aos símplices.
8 Os preceitos do Senhor são retos e alegram o coração; o mandamento do Senhor é puro, e ilumina os olhos.
9 O temor do Senhor é limpo, e permanece eternamente; os juízos do Senhor são verdadeiros e justos juntamente.
10 Mais desejáveis são do que o ouro, sim, do que muito ouro fino; e mais doces do que o mel e o licor dos favos.
11 Também por eles é admoestado o teu servo; e em os guardar há grande recompensa.
12 Quem pode entender os seus erros? Expurga-me tu dos que me são ocultos.
13 Também da soberba guarda o teu servo, para que se não assenhorie de mim. Então serei sincero, e ficarei limpo de grande transgressão.
14 Sejam agradáveis as palavras da minha boca e a meditação do meu coração perante a tua face, Senhor, Rocha minha e Redentor meu!

O texto deixa claro que não há como não reconhecer o Senhor. A Natureza, ainda que não expresse isso com palavras, mostra o próprio Criador. Nós, através da pregação, anunciamos o Senhor. A Natureza, até sem palavras, anuncia o Criador.

Isso nos mostra que qualquer pessoa pode realmente reconhecer o Senhor. Basta estar atento ao que acontece ao seu redor. E mesmo que não falemos nada, o Senhor pode agir!

Além disso, o texto fala sobre a Lei do Senhor. Conhecer a vontade do Pai, expressa na Bíblia, é muito importante. E pelo que o texto diz, nunca será pesado! Não é difícil. É para refrigerar o coração, alegrar! Claro que isso não quer dizer que seja completamente fácil realizar a vontade do Senhor em nosso mundo. Isso quer dizer que, ainda que aos olhos humanos pareça difícil, nos é fácil, por conta do prazer que há em obedecer a vontade do Senhor. Se você quiser ler a Bíblia junto com o Compartilhando Na Web,pode receber as recomendações diárias em seu email! Basta escolher um grupo (ou quantos quiser) e se cadastrar em http://www.leiaabiblia.compartilhandonaweb.com.br

O versículo 12 mostra a preocupação do Salmista com seus erros. Nota que pode até ser que existam falhas que estejam ocultas. Pode ser que ele tenha feito algo errado e nem tenha conhecimento. Isso pode acontecer com cada um de nós também. Por isso, como ao salmista, que o Senhor nos perdoe das faltas que reconhecemos e apresentamos a Ele e mais: que nos perdoe das que nem temos conhecimento e, claro nos auxilie a fugir do erro!

E que possamos, a cada dia, dizer palavras agradáveis, ter pesamentos tranquilos, que estejam de acordo com a realidade que vivemos, de servos do Altíssimo. Além, é claro, de diariamente mantermos a posição de Adoradores, reconhecendo a majestade do Senhor.

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Salmo 18

Posted by Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!


Vitória e domínio
Ao mestre de canto. Salmo de Davi, servo
do Senhor, o qual dirigiu ao Senhor
as palavras deste cântico, no dia em que
o Senhor o livrou de todos os seus inimigos
e das mãos de Saul. Ele disse:

1 EU te amarei, ó Senhor, fortaleza minha.
2 O Senhor é o meu rochedo, e o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem confio; o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio.
3 Invocarei o nome do Senhor, que é digno de louvor, e ficarei livre dos meus inimigos.
4 Tristezas de morte me cercaram, e torrentes de impiedade me assombraram.
5 Tristezas do inferno me cingiram, laços de morte me surpreenderam.
6 Na angústia invoquei ao Senhor, e clamei ao meu Deus; desde o seu templo ouviu a minha voz, aos seus ouvidos chegou o meu clamor perante a sua face.
7 Então a terra se abalou e tremeu; e os fundamentos dos montes também se moveram e se abalaram, porquanto se indignou.
8 Das suas narinas subiu fumaça, e da sua boca saiu fogo que consumia; carvões se acenderam dele.
9 Abaixou os céus, e desceu, e a escuridão estava debaixo de seus pés.
10 E montou num querubim, e voou; sim, voou sobre as asas do vento.
11 Fez das trevas o seu lugar oculto; o pavilhão que o cercava era a escuridão das águas e as nuvens dos céus.
12 Ao resplendor da sua presença as nuvens se espalharam, e a saraiva e as brasas de fogo.
13 E o Senhor trovejou nos céus, o Altíssimo levantou a sua voz; e houve saraiva e brasas de fogo.
14 Mandou as suas setas, e as espalhou; multiplicou raios, e os desbaratou.
15 Então foram vistas as profundezas das águas, e foram descobertos os fundamentos do mundo, pela tua repreensão, Senhor, ao sopro das tuas narinas.
16 Enviou desde o alto, e me tomou; tirou-me das muitas águas.
17 Livrou-me do meu inimigo forte e dos que me odiavam, pois eram mais poderosos do que eu.
18 Surpreenderam-me no dia da minha calamidade; mas o Senhor foi o meu amparo.
19 Trouxe-me para um lugar espaçoso; livrou-me, porque tinha prazer em mim.
20 Recompensou-me o Senhor conforme a minha justiça, retribuiu-me conforme a pureza das minhas mãos.
21 Porque guardei os caminhos do Senhor, e não me apartei impiamente do meu Deus.
22 Porque todos os seus juízos estavam diante de mim, e não rejeitei os seus estatutos.
23 Também fui sincero perante ele, e me guardei da minha iniqüidade.
24 Assim que retribuiu-me o Senhor conforme a minha justiça, conforme a pureza de minhas mãos perante os seus olhos.
25 Com o benigno te mostrarás benigno; e com o homem sincero te mostrarás sincero;
26 Com o puro te mostrarás puro; e com o perverso te mostrarás indomável.
27 Porque tu livrarás o povo aflito, e abaterás os olhos altivos.
28 Porque tu acenderás a minha candeia; o Senhor meu Deus iluminará as minhas trevas.
29 Porque contigo entrei pelo meio duma tropa, com o meu Deus saltei uma muralha.
30 O caminho de Deus é perfeito; a palavra do Senhor é provada; é um escudo para todos os que nele confiam.
31 Porque quem é Deus senão o Senhor? E quem é rochedo senão o nosso Deus?
32 Deus é o que me cinge de força e aperfeiçoa o meu caminho.
33 Faz os meus pés como os das cervas, e põe-me nas minhas alturas.
34 Ensina as minhas mãos para a guerra, de sorte que os meus braços quebraram um arco de cobre.
35 Também me deste o escudo da tua salvação; a tua mão direita me susteve, e a tua mansidão me engrandeceu.
36 Alargaste os meus passos debaixo de mim, de maneira que os meus artelhos não vacilaram.
37 Persegui os meus inimigos, e os alcancei; não voltei senão depois de os ter consumido.
38 Atravessei-os de sorte que não se puderam levantar; caíram debaixo dos meus pés.
39 Pois me cingiste de força para a peleja; fizeste abater debaixo de mim aqueles que contra mim se levantaram.
40 Deste-me também o pescoço dos meus inimigos para que eu pudesse destruir os que me odeiam.
41 Clamaram, mas não houve quem os livrasse; até ao Senhor, mas ele não lhes respondeu.
42 Então os esmiucei como o pó diante do vento; deitei-os fora como a lama das ruas.
43 Livraste-me das contendas do povo, e me fizeste cabeça dos gentios; um povo que não conheci me servirá.
44 Em ouvindo a minha voz, me obedecerão; os estranhos se submeterão a mim.
45 Os estranhos descairão, e terão medo nos seus esconderijos.
46 O Senhor vive; e bendito seja o meu rochedo, e exaltado seja o Deus da minha salvação.
47 É Deus que me vinga inteiramente, e sujeita os povos debaixo de mim;
48 O que me livra de meus inimigos; sim, tu me exaltas sobre os que se levantam contra mim, tu me livras do homem violento.
49 Assim que, ó Senhor, te louvarei entre os gentios, e cantarei louvores ao teu nome,
50 Pois engrandece a salvação do seu rei, e usa de benignidade com o seu ungido, com Davi, e com a sua semente para sempre. 
 
Lendo este salmo pude lembrar de várias canções que já cantamos em nossas comunidades ou que ouvimos em discos, fitas ou CD’s. Este salmo serviu de base para muitas canções!
 
O salmista deixa claro que busca ao Senhor. E mesmo no meio da dificuldade, no meio da angústia, ele sabe que pode confiar no Senhor. Ainda que inimigos se levantem contra ele, quer sejam situações ou até pessoas, o cuidado do Senhor é uma realidade sobre a sua vida. Não importa onde ou como: o Senhor vai agir!
 
E mesmo que o inimigo se dê conta que o salmista é cuidado pelo Senhor e tente pedir auxílio, mas sem levar em conta a sua vida diante do Senhor, quer dizer, tentando buscar ao Senhor por apenas um momento, quem será atendido será o salmista (v. 41). Exatamente porque o Senhor não está preocupado com alguns momentos apenas. Ele quer a nossa vida como um todo, diante da Sua vontade. Quer que estejamos com Ele em primeiro lugar, independente do que tenhamos que fazer. Não quer que O busquemos apenas em alguns momentos. Nos quer o tempo todo!
 
Assim, como o salmista, podemos agir e viver: reconhecer a grandiosidade do Senhor e confiar, mesmo na angústia, mesmo no dia mal, que Ele vai agir. Que mesmo que pareça que o mal nunca acaba, o Senhor está no controle e, ao menos, nos dá forças para que possamos enfrentar a dificuldade. E no tempo certo (não no nosso tempo, mas no tempo certo, no tempo Dele) veremos o agir do Senhor, resolvendo a situação. Pode até ser que não se resolva da forma como achamos a melhor, mas sempre será a melhor. Mesmo que não entendamos no começo, logo entenderemos que o Senhor fez o melhor.
 
E não adianta buscar ao Senhor com apenas por apenas uma situação. Não é dessa forma que o Senhor espera que venhamos a agir! Ele quer cuidar de nós a cada instante, mesmo quando achamos que nem precisamos! Para isso, precisamos confiar a nossa vida aos Seus cuidados. Não ao cuidado de homens, que pode ajudar no entendimento da Verdade, mas podem atrapalhar... Não ao cuidado de denominações, que podem ajudar, mas também pode atrapalhar. Que homens e/ou denominações possam nos ajudar no crescimento do conhecimento da Verdade, que é Jesus! Aliás, o Caminho, a Verdade e a Vida! Não podemos dar mais ênfase a homens ou denominações. Devemos, claro, dar importância a pessoas e as denominações, mas nunca importância maior que ao próprio Senhor!
 

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Salmo 17

Posted by Pastor Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!


Súplica pela proteção divina
Oração de Davi

1 OUVE, Senhor, a justiça; atende ao meu clamor; dá ouvidos à minha oração, que não é feita com lábios enganosos.
2 Saia a minha sentença de diante do teu rosto; atendam os teus olhos à razão.
3 Provaste o meu coração; visitaste-me de noite; examinaste-me, e nada achaste; propus que a minha boca não transgredirá.
4 Quanto ao trato dos homens, pela palavra dos teus lábios me guardei das veredas do destruidor.
5 Dirige os meus passos nos teus caminhos, para que as minhas pegadas não vacilem.
6 Eu te invoquei, ó Deus, pois me queres ouvir; inclina para mim os teus ouvidos, e escuta as minhas palavras.
7 Faze maravilhosas as tuas beneficências, ó tu que livras aqueles que em ti confiam dos que se levantam contra a tua destra.
8 Guarda-me como à menina do olho; esconde-me debaixo da sombra das tuas asas,
9 Dos ímpios que me oprimem, dos meus inimigos mortais que me andam cercando.
10 Na sua gordura se encerram, com a boca falam soberbamente.
11 Têm-nos cercado agora nossos passos; e baixaram os seus olhos para a terra;
12 Parecem-se com o leão que deseja arrebatar a sua presa, e com o leãozinho que se põe em esconderijos.
13 Levanta-te, Senhor, detém-no, derriba-o, livra a minha alma do ímpio, com a tua espada;
14 Dos homens com a tua mão, Senhor, dos homens do mundo, cuja porção está nesta vida, e cujo ventre enches do teu tesouro oculto. Estão fartos de filhos e dão os seus sobejos às suas crianças.
15 Quanto a mim, contemplarei a tua face na justiça; eu me satisfarei da tua semelhança quando acordar.

O Salmista espera resposta a sua oração. No meio da dificuldade, aguarda o agir do Senhor. Espera pela resposta de sua oração. E, claro, hoje somos convidados/as da mesma forma a apresentar ao Senhor nossa dificuldade e aguardar a resposta a nossa oração. Algumas vezes, o Senhor irá atender exatamente como queremos. Em outras, de forma diferente. Mas sempre receberemos, no tempo certo (e não na hora que nós quisermos, mas na hora do Senhor), uma resposta da parte do Senhor, dando a solução!

Além disso, o salmista aguarda o cuidado do Senhor sobre sua vida diante das inquietações, mas principalmente sobre quem se levanta tentando o mal contra ele. Nós devemos esperar no Senhor. Orar, aguardar e confiar!

Não há dificuldade que nos atormente para sempre. Não há ímpio que se levante contra nós e que prospere para sempre. O cuidado do Senhor, esse sim, vai continuar com os seus para sempre! Confie, aguarde! Apresente ao Senhor sua oração e creia: por mais difícil que possa parecer e ainda que você não entenda, o Senhor irá agir e fará o melhor! Ainda que pareça estranho no começo, o Senhor fará o melhor. Pode confiar!

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Salmo 16

Posted by Pastor Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!


O Santo de Deus
Hino de Davi

1 GUARDA-ME, ó Deus, porque em ti confio.
2 A minha alma disse ao Senhor: Tu és o meu Senhor, a minha bondade não chega à tua presença,
3 Mas aos santos que estão na terra, e aos ilustres em quem está todo o meu prazer.
4 As dores se multiplicarão àqueles que fazem oferendas a outro deus; eu não oferecerei as suas libações de sangue, nem tomarei os seus nomes nos meus lábios.
5 O Senhor é a porção da minha herança e do meu cálice; tu sustentas a minha sorte.
6 As linhas caem-me em lugares deliciosos: sim, coube-me uma formosa herança.
7 Louvarei ao Senhor que me aconselhou; até os meus rins me ensinam de noite.
8 Tenho posto o Senhor continuamente diante de mim; por isso que ele está à minha mão direita, nunca vacilarei.
9 Portanto está alegre o meu coração e se regozija a minha glória; também a minha carne repousará segura.
10 Pois não deixarás a minha alma no inferno, nem permitirás que o teu Santo veja corrupção.
11 Far-me-ás ver a vereda da vida; na tua presença há fartura de alegrias; à tua mão direita há delícias perpetuamente.

Vemos o salmista depositando inteiramente sua confiança no Senhor. Deixando claro que não quer nenhum tipo de contato pessoal com os deuses que os outros acreditam, declarando que confia só no Senhor.

Quantas vezes vemos pessoas divididas em sua fé... Talvez nem estejam realmente divididas, é claro, mas até pensam que estão e falam para os outros. Acreditam em Deus, mas ainda assim continuam com hábitos pagãos, hábitos que podem interferir diretamente em sua salvação, pois vão contra a verdade da Palavra do Senhor. Algumas pessoas radicalizam em determinadas atitudes que nem mesmo alteram algo em nosso relacionamento com o Senhor e outras acabam nem dando bola para determinadas atitudes que são erradas... O meio termo é necessário!!!

A certeza do salmista deve ser a nossa: vale a pena confiar no Senhor. Não importa o que pareça acontecer agora, ou o que de fato está acontecendo! Importa o cuidado do Senhor. Não haverá mal que dure para sempre. E o que nos parece mal, pode ser apenas para nos dar crescimento ou para que venhamos a dar testemunho do cuidado do Senhor durante a dificuldade e também como Ele nos ajudou a sair dela!

Por mais que pareça que os outros estão melhores hoje, a Palavra do Senhor deixa claro que se eles não estiverem com o Senhor terão problemas. A aparente facilidade de hoje será revertida em grande dificuldade!

Já o que segue ao Senhor acaba recebendo Dele orientação e cuidado a cada momento. Em todas as coisas o Senhor quer ensinar e mostrar o Seu amor e cuidado.

Que possamos manter a alegria diante das coisas do Senhor e crendo no Seu amor e cuidado a cada dia!

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Salmo 15

Posted by Pastor Ricardo Marcadores: , , , ,

Graça, Paz e Alegria!


O cidadão dos céus
Salmo de Davi

1 SENHOR, quem habitará no teu tabernáculo? Quem morará no teu santo monte?
2 Aquele que anda sinceramente, e pratica a justiça, e fala a verdade no seu coração.
3 Aquele que não difama com a sua língua, nem faz mal ao seu próximo, nem aceita nenhum opróbrio contra o seu próximo;
4 A cujos olhos o réprobo é desprezado; mas honra os que temem ao Senhor; aquele que jura com dano seu, e contudo não muda.
5 Aquele que não dá o seu dinheiro com usura, nem recebe peitas contra o inocente. Quem faz isto nunca será abalado.

A ideia desse salmo no que diz respeito a morar no Tabernáculo do Senhor ou no Santo Monte pode ser dividida em duas partes:

1) Ter paz em sua jornada na Terra. Ter o cuidado do Senhor em seu caminhar, em cada atitude a ser tomada, em cada situação vivida. Ter o dia a dia cuidado pelo próprio Senhor.

2) Estar com o Senhor eternamente. Passar a eternidade com o Senhor.

Para alcançar isso, o salmista é claro: é necessário ser sincero, tanto ao falar como ao agir. Tomar cuidado com comentários maliciosos que outras pessoas fazem a respeito de alguém e também tomar cuidado para não fazer esses comentários maldosos. Não dar crédito a qualquer pessoa que possa até parecer boa, mas que deixa de lado os preceitos do Senhor. Claro que não podemos ser injustos com a atitude humana, mas devemos dar mais ênfase em nossa atenção àqueles que praticam a vontade do Senhor. Não emprestar o dinheiro pensando em ter lucros (deixemos isso para as instituições bancárias!), mas fazê-lo com a certeza que o Senhor cuidará de tudo (se tivermos problemas, nem devemos emprestar!).

Na verdade, o que o salmista cita nesse texto pode ser chamado de “regras de conduta”. Atitudes que condizem com a certeza que o Senhor está no controle. Não adianta nada dizermos com nossa boca que cremos no cuidado do Senhor e darmos testemunho de que não confiamos tanto assim (não podemos nos acomodar, é fato, mas não devemos nos preocupar exageradamente). Quer seja por preocupações exageradas com as coisas da vida como por viver de maneira inadequada com relação ao nosso semelhante.

Só vivendo assim, confiando no Senhor e agindo de maneira adequada com o próximo, de forma a dar testemunho de nossa postura e confiança, poderemos habitar no Tabernáculo do Senhor, no Seu Santo Monte.

Que o Senhor continue abençoando sua vida!

Related Posts with Thumbnails